Weby shortcut

Notícias

Opções Avançadas   Busca exata   Todas as palavras   Qualquer uma das palavras
Hygeia
PERFIL SOCIOECONÔMICO E EPIDEMIOLÓGICO: UMA ANÁLISE DAS POPULAÇÕES ATENDIDAS POR UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DA CIDADE DE JATAÍ (GO)
Em 09/03/2018 às 15:38

SOCIOECONOMIC AND EPIDEMIOLOGICAL PROFILE: NA ANALYSIS OF THE POPULATIONS SERVED BY A BASIC HEALTH UNIT OF THE CITY OF JATAÍ (GO)

Natalli Adriane Rodrigues Souza

Mestranda em Geografia, Universidade Federal de Goiás- Campus Jataí

nattjti@gmail.com

Maria José Rodrigues

Doutora em Geografia, Universidade Federal de Goiás- Campus Jataí

mariarodriguesgeo@gmail.com

 

RESUMO

O presente estudo objetivou verificar os perfis socioeconômicos e epidemiológicos das populações atendidas pela Unidade Básica de Saúde da Família Estrela D’ Alva, no município de Jataí- GO. Para a coleta de dados utilizou-se o censo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) para o ano de 2010, e o E-sus (Estratégias do Sistema Único de Saúde) para o ano de 2015, buscou-se identificar os perfis epidemiológico e socioeconômico da região estudada, considerando dados referentes à renda, saneamento básico, população e diagnóstico de saúde da comunidade atendida pela UBSF local. A análise desses dados permitiu a geração de gráficos, quadros e mapas demonstrando que 44% da população vive com até 2 salários mínimos, cerca de 60% dos domicílios não recebem água tratada, 52% não tem coleta de lixo e 70% não tem rede de esgoto. Dentre a população atendida por essa UBSF quase um terço é formada por idosos, destacando-se as doenças crônicas como as mais recorrentes no ano de 2015. Diante disso, esse estudo se torna importante para a identificação dos perfis socioeconômico e epidemiológico e para a compreensão da relação que a população local estabeleceu com o local de moradia.

Palavras chave: Situação Socioeconômico. Epidemiológico. Unidade Básica de Saúde. Jataí-GO.

 

ABSTRACT

The current study aimed at verifying the socioeconomics and epidemiologicals profiles of the

populations served by the Basic Health Unit of the Estrela D 'Alva Family, in the city of Jataí

- GO. For data collection, the IBGE census (Brazilian Institute of Geography and Statistics)

was used for the year 2010, and E-sus (Strategies of the Unified Health System) for the year

2015, the aim was to identify the epidemiological profiles and socioeconomic status of the

studied region, considering data related to income, basic sanitation, population and health

diagnosis of the community served by local UBSF. The data analysis permited a

construction of graphs, maps and boards and they evidenced the significance of the locality

surroundings for the quality of life promotion, demonstrating that 44% of the total population

lives with two minimum wage income, about 60% of the houses do not get treated water,

52% do not have garbage collect and 70% do not have sewerage system. Among the

served population by this UBSF almost one-third is elders, highlighting chronic diseases as

the most recurrent in 2015. This study become important for the identification of

socioeconomics and epidemiologicals profiles and for the comprehention of the relation that

local population established with the place.

Key words: Socioeconomic Situation. Epidemiological. Basic Healt Unit Family. Jataí-GO.

artigos

news
Novas publicações adicionadas
Em 14/09/2017 às 15:22

Confira no menu Publicações

Capa
DESVELANDO A CIDADE: SEGREGAÇÃO SOCIOESPACIAL EM JATAÍ
Em 05/04/2017 às 16:11

Baixar o livro

Uma vez que a análise dos problemas urbanos, com o objetivo de traçar novos rumos para o desenvolvimento local, é fundamental para melhoria da qualidade de vida da população propõe-se, como foco desta pesquisa, o estudo da estrutura urbana de Jataí-GO. Para tanto, é analisada sua estruturação interna, no que tange à distribuição socioespacial no arranjo urbano, buscando respostas à indagação: existe segregação socioespacial em Jataí? Pretende-se, desvelar a cidade e propor novos parâmetros que colaborem com o desenvolvimento local, bem como, produzir material científico consistente sobre esta temática analisada segundo a Ciência Geográfica. Jataí localiza-se no Sudoeste Goiano, a aproximadamente 320km da capital, Goiânia. Com área urbana aproximada de 26km², dentro de um município com superfície de 7.174,10km², a cidade se expandiu marcada por contrastes que revelam a lógica da sociedade capitalista. Posições como as de Santos (1993), Castells (1983), Lojkine (1997) e Villaça (2001), levantando a lógica da formação e a estruturação do espaço urbano, suscitam questionamentos sobre objeto de estudo em questão. O caminho seguido neste trabalho não é rígido, pronto e acabado, trata-se de uma análise que parte da paisagem urbana, uma vez que esta apresenta um vasto horizonte a ser explorado, chegando ao lugar e analisando como este foi produzido. A pesquisa transita por análises políticas e sociais, contextualizadas numa sociedade dita “pós-moderna”, indagando e refletindo sobre o real apresentado diante de nossos olhares, considerando a ação do capital e de suas relações na construção dos lugares. Dessa forma, a perspectiva dialética se apresenta como um caminho direcionador dos trabalhos. Ao final, define-se, classifica-se, espacializa-se e cruza-se planos de informações referentes aos níveis de renda em Jataí, e suas implicações, na malha urbana, o que demonstra a segregação urbana identificada. Os resultados são apresentados sob a forma de texto e mapas que desvelam a real situação da distribuição socioespacial em questão. Como resultado, identifica-se que as classes de menor renda estão concentradas, predominantemente, nas bordas da área urbana. Tal análise vai ao encontro da tese de que trata-se de um espaço segregado.

 

Palavras Chave: Segregação Urbana; Estrutura Urbana; Cidade; Jataí-GO.

web
Conhecendo a rede e entendendo o problema: o olhar geográfico no sistema de saúde pública de Jataí (GO)
Em 10/11/2016 às 14:30

A geografia têm se preocupado cada vez mais em realizar uma análise refinada das relações socioespaciais, identificando e diagnosticando os problemas de uma sociedade heterogênea e, simultaneamente contribuindo com o planejamento e gestão do espaço. Desta forma, torna-se fundamental compreender como se constituem as relações que visam estabelecer a qualidade de vida da população. Neste sentido o presente trabalho buscou interpretar a rede pública de saúde do município de Jataí (GO): sua estrutura física; organização de gestão; pontos polarizadores e sua importância socioespacial. Para esta pesquisa foram adotados os seguintes procedimentos metodológicos: revisão bibliográfica acerca dos conceitos de redes de saúde; investigação junto a órgãos como a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Prefeitura Municipal de Jataí, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS), Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre outros. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas abrangendo o Gestor municipal, as Direções técnica e administrativa do SMS; além da aplicação de questionários de forma amostral aos profissionais de saúde do Centro Médico Serafim de Carvalho. A análise da rede municipal de saúde de Jataí revelou importantes elementos que serviram para compreendê-la. Inicialmente destaca-se a questão demográfica. O crescimento da população jataiense trouxe consigo novas necessidades aos setores da administração pública, sobretudo na área de saúde. O aumento das causas externas como a violência, o trânsito e o tráfico de drogas, aliados a uma estrutura que não acompanhou o crescimento populacional tornaram a rede municipal viscosa e hospitalocentrica, culminando numa asfixia compulsória do Centro Municipal de Saúde.

Dissertação

Cidade Vazia
Cidade Vazia
Em 31/10/2016 às 14:30

SILVA, Márcio Rodrigues; OLIVEIRA, Eliardo MIRANDA. Cidade Vazia: Análise da ocupação urbana em Jataí(GO) no período de 1965 a 2015. In.: PEIXINHO, Dimas Moares; SOUSA, Marluce Silva. Reconfiguração do Cerrado: Uso, conflitos e impactos ambientais. Goiânia: Gráfica UFG, 2016. p.173-188.

 

cidade segregação urbana vazios urbanos

Books
DESVELANDO A CIDADE: SEGREGAÇÃO SOCIOESPACIAL EM JATAÍ-GO
Em 19/02/2016 às 16:35
Tipo do documento:  Tese
Título:  DESVELANDO A CIDADE: SEGREGAÇÃO SOCIOESPACIAL EM JATAÍ-GO Baixar/Abrir
Título(s) alternativo(s):  DISCLOSING THE CITY: SOCIOSPATIAL SEGREGATION IN JATAÍ-GO (BRAZIL)
Autor:  SILVA, Márcio Rodrigues 
Primeiro orientador:  DEUS, João Batista de
Resumo:  Uma vez que a análise dos problemas urbanos, com o objetivo de traçar novos rumos para o desenvolvimento local, é fundamental para melhoria da qualidade de vida da população propõe-se, como foco desta pesquisa, o estudo da estrutura urbana de Jataí-GO. Para tanto, é analisada sua estruturação interna, no que tange à distribuição socioespacial no arranjo urbano, buscando respostas à indagação: existe segregação socioespacial em Jataí? Pretende-se, desvelar a cidade e propor novos parâmetros que colaborem com o desenvolvimento local, bem como, produzir material científico consistente sobre esta temática analisada segundo a Ciência Geográfica. Jataí localiza-se no Sudoeste Goiano, a aproximadamente 320km da capital, Goiânia. Com área urbana aproximada de 26km², dentro de um município com superfície de 7.174,10km², a cidade se expandiu marcada por contrastes que revelam a lógica da sociedade capitalista. Posições como as de Santos (1993), Castells (1983), Lojkine (1997) e Villaça (2001), levantando a lógica da formação e a estruturação do espaço urbano, suscitam questionamentos sobre objeto de estudo em questão. O caminho seguido neste trabalho não é rígido, pronto e acabado, trata-se de uma análise que parte da paisagem urbana, uma vez que esta apresenta um vasto horizonte a ser explorado, chegando ao lugar e analisando como este foi produzido. A pesquisa transita por análises políticas e sociais, contextualizadas numa sociedade dita pós-moderna , indagando e refletindo sobre o real apresentado diante de nossos olhares, considerando a ação do capital e de suas relações na construção dos lugares. Dessa forma, a perspectiva dialética se apresenta como um caminho direcionador dos trabalhos. Ao final, define-se, classifica-se, espacializa-se e cruza-se planos de informações referentes aos níveis de renda em Jataí, e suas implicações, na malha urbana, o que demonstra a segregação urbana identificada. Os resultados são apresentados sob a forma de texto e mapas que desvelam a real situação da distribuição socioespacial em questão. Como resultado, identifica-se que as classes de menor renda estão concentradas, predominantemente, nas bordas da área urbana. Tal análise vai ao encontro da tese de que trata-se de um espaço segregado.
Abstract:  Considering that, with the purpose of suggesting new paths for local development, the analysis of urban problems is essential to improve the quality of life of the population, the aim of this research is to study the urban structure of Jataí city. In order to do so, its urban internal structure is analyzed, regarding the sociospatial distribution in the urban arrangement, searching answers to the question: is there any sociospatial segregation in Jataí? We intend to remove the veil that covers the city and suggest new parameters that collaborate with the local development, as well as to produce consistent scientific material about this theme, analyzed according to the Geographic Science. Jataí city is located in the Southwest of Goiás State, in Brazil, approximately 320 km of Goiânia city, the capital of the State. With an urban area of about 24 km², inside a county area of 7.174, 1 km², the city grew marked by contrasts which reveal the logics of the capitalist society. Positions like the ones held by Santos (1993), Castells (1983), Lojkine (1997) and Villaça (2001), surveying the logic of the formation and composition of the urban space, raise questions about the object of this research. The course followed in this work is neither rigid, nor ready or final. It is an analysis that begins with urban landscape, as it presents a vast horizon to be explored, arriving at the place and analyzing the way it was produced. This research transits between social and political analyses, in the context of a so-called post-modern society, inquiring and reflecting about the reality displayed in front of our eyes, considering the action of the capital and its relations in the construction of places. Therefore, the dialectic perspective is a guideline that orients our works. Finally, we define, classify, map and cross information plans concerning the levels of income in Jataí and their implications in the urban mesh network, which demonstrates the urban segregation identified. The results are presented in the form of text and maps which disclose the real situation of the sociospatial distribution at stake. As a result, it is identified that the social classes of less income are concentrated, predominantly, in the edges of the urban area. Such analysis supports the thesis that this city is a segregated space.
Publicações

Books
Encontros e Desencontros: Estudo do Espaço Urbano de Jataí-GO
Em 19/02/2016 às 16:22

Dissertação de Mestrado

Encontros e Desencontros: Estudo do Espaço Urbano de Jataí-GO

Download do texto completo - PDF: 

RESUMO

 

A cidade de Jataí, situada no Sudoeste do Estado de Goiás, origina-se na primeira metade do século XIX sendo fruto da busca por novas áreas para desenvolvimento da agropecuária. Atualmente ocupa lugar de grande relevância na economia do Estado, sendo destaque na produção de grãos, o que passa a ocorrer principalmente a partir da década de 1970, com a chegada e posterior consolidação da moderna agricultura no município. Com área urbana aproximada de 24km² a cidade se expandiu marcada por contrastes que revelam a lógica da sociedade capitalista. A distribuição socioespacial da população na área urbana expressa contradições que não são percebidas num primeiro olhar. Este trabalho objetiva analisar como ocorreu a configuração do espaço ubano de Jataí e seu arranjo socioespacial, sobretudo no cenário pós 1970. Para tanto, são analisados dados econômicos, sociais e políticos que espacializados desvelam o processo de produção da cidade.

 

Palavras Chave: Geografia urbana; Espaço urbano; Jataí-GO. 

 

ABSTRACT The city of Jataí is located in the Southwest of Goiás. It originated in the first half of the XIX century being effect of the search by new areas for the development of the cattle raising. At the present, Jataí takes place of a great relevance in the Goiás economy. It is in a high position in the seed production. This fact happened mainly since 1970 with the arrived and subsequent consolidation of the modern agriculture in the municipality. The urban area of Jataí is nearly 24 km². This increased marked by contrasts that reveal the logic of the capitalist society. The social space distribution of the population in the urban area shows contradictions, which are not perceived in the first moment. The aim of this work is analyze how occurred the configuration of the urban space of Jataí and its social-space arrangement above all in the scenery after 1970. By this purpose, the economic, social and politic elements are analyzed that keep vigilant the process of the city production. Key-words: Urban Geography; urban space – Jataí – GO. 

Publicações

Dissertação
Caracterização do espaço urbano de Iporá-GO no período de 1970 a 2010
Em 19/02/2016 às 16:16
Tipo do documento:  Dissertação
Título:  Caracterização do espaço urbano de Iporá-GO no período de 1970 a 2010
Título(s) alternativo(s):  Characterization of the urban space Iporá-GO the period 1970 to 2010
Autor:  Chagas, Frank Luiz Rosa 
Primeiro orientador:  Silva, Márcio Rodrigues
Primeiro membro da banca:  Silva, Márcio Rodrigues
Segundo membro da banca:  Rodrigues, Maria José
Terceiro membro da banca:  Peixinho, Dimas Moraes
Resumo:  O presente trabalho analisa a cidade de Iporá, situada na Região Oeste do Estado de Goiás. Sua origem ocorre no Arraial de Pilões em 1833, recebendo o nome de Iporá em 1948 com a transferência do povoado para as margens do Córrego Tamanduá. Buscou-se caracterizar este espaço urbano, verificando os elementos que contribuíram, e que ainda contribuem, para sua atual organização socioespacial. Neste sentido, autores como Santos (1996), Corrêa (2000), Borges (2001) e Gomis (1998), que discutem o processo de urbanização em diferentes escalas, e o levantamento de dados demográficos, econômicos e sociais contribuíram de forma consistente para a compreensão do objeto de estudo. A construção do tecido urbano iniciou-se de forma planejada, através do projeto urbanístico do núcleo central, implementado em uma área relativamente plana, caracterizando a cidade com quadras e ruas largas, favorecendo a edificação residencial, comercial e a mobilidade. A população urbana em apenas três décadas (1970, 1980, 1990) saltou de 9.766 habitantes para 25.540 habitantes, neste período o município recebeu muitos investimentos estaduais e federais, como a pavimentação da GO-060, que liga Iporá a Goiânia, o abastecimento dos imóveis com a energia elétrica produzida pela Usina de Cachoeira Dourada, a construção casas populares, dentre outros. Estes benefícios e o rápido crescimento demográfico desencadearam o surgimento de novos loteamentos, além daqueles previamente planejados. Como resultado o que se observa é a disparidade na distribuição de serviços públicos e de infraestrutura nos bairros periféricos, sendo concentrada, prioritariamente, na área central da cidade. Ao final da pesquisa registra-se que atualmente a cidade apresenta áreas segregadas que refletem a falta de continuidade do planejamento urbano inicial.
Abstract:  This paper analyzes the city of Iporá, located in the Western Region of the State of Goiás. Their origin is in the Camp of pylons in 1833, receiving the name of Iporá in 1948 with the transfer of the village to the margins of the Anteater Stream. We sought to characterize this urban space, checking the elements that contributed and still contribute to their current socio organization. In this sense, authors such as Santos (1996), Correa (2000), Borges (2001) and Gomis (1998), who discuss the process of urbanization in different scales, and the study of demographic, economic and social data contributed consistently to understanding of the object of study. The construction of the urban fabric began a planned way through the urban core of the project, implemented in a relatively flat area, featuring the city with wide streets and blocks, favoring residential building, commercial and mobility. The urban population in just three decades (1970, 1980, 1990) jumped from 9,766 inhabitants to 25,540 inhabitants, at this period, the city received many state and federal investments, such as the paving of GO-060, which connects the Iporá Goiânia, the supply of properties with the electrical energy produced by the plant Cachoeira Dourada, building affordable housing, among others. These benefits and rapid population growth have triggered the emergence of new subdivisions, besides those previously planned. As a result what is observed is the disparity in the distribution of public services and infrastructure in the suburbs, being concentrated primarily in the central area of the city. At the end of the survey is recorded that the city currently has segregated areas that reflect the lack of continuity of the initial urban planning.
Publicações

Books
Caracterização da coleta de resíduos de serviços de saúde na cidade de Rio Verde – (GO)
Em 19/02/2016 às 16:02

Tipo do documento: 

Dissertação  
Título:  Caracterização da coleta de resíduos de serviços de saúde na cidade de Rio Verde – (GO)
Título(s) alternativo(s):  Characterization of waste collection of health services in Rio Verde - GO
Autor:  Cruvinel, Alexandrina Baía 
Primeiro orientador:  Silva, Márcio Rodrigues
Primeiro membro da banca:  Silva, Márcio Rodrigues
Segundo membro da banca:  Teixeira, Renato Araújo
Terceiro membro da banca:  Scopel, Iraci
Resumo:  Os resíduos gerados pelos estabelecimentos que realizam atividades relacionadas à saúde são considerados perigosos por apresentarem componentes químicos, físicos e biológicos potencialmente agressivos. Tais componentes oferecem risco de contaminação ao ambiente e às pessoas que entram em contato com eles. Torna-se necessário conhecer bem estes resíduos, procedendo ao seu descarte adequado, com o correto gerenciamento e gestão por parte dos estabelecimentos geradores. As cidades, por concentrarem pessoas, serviços e equipamentos, sendo o lócus privilegiado da vida social, apresentam também problemas ligados à vida coletiva num processo de implosão-explosão. A concentração de pessoas, atividades e instrumentos necessários à vida urbana podem gerar uma explosão de fragmentos prejudiciais à sociedade. O gerenciamento incorreto dos resíduos de saúde pode constituir-se em fragmentos que atingem a vida urbana, sobretudo no que concerne à saúde pública, prejudicando a cidade como um conjunto socioespacial complexo. Diante do exposto, este trabalho analisou a geração dos resíduos de serviços de saúde, na cidade de Rio Verde, baseando-se na caracterização dos procedimentos, em relação ao seu correto tratamento e destinação final. Para tanto, foram levantados dados, referentes à temática em questão, nos órgãos municipais, estaduais e federais, como ANVISA, Prefeitura Municipal, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Meio Ambiente. O tratamento dos resíduos de serviços de saúde ainda não é realizado de forma satisfatória, sobretudo ao que concerne à sua segregação e acondicionamento. Diretrizes como a avaliação dos impactos ambientais para a instalação de técnicas de tratamento dos resíduos, processos de educação continuada que esclareçam os gestores e geradores para a responsabilidade de elaboração e execução do plano de gerenciamento dos resíduos de serviços de saúde, e uma fiscalização mais efetiva por parte dos órgãos reguladores se faz ainda necessária.
Abstract:  The waste generated by facilities that perform health-related activities are considered dangerous because of their chemical, physical and biological components. These components offer contamination risk to the environment and to the people who have contact with them. It is necessary to know these residues very well, providing them proper disposal, with proper management and administration of generators, reducing the risk of contamination. Cities, due to the concentration of people, services and equipment, and the privileged locus of social life, also present problems related to collective life in a process of implosion-explosion. The concentration of people, activities and necessary tools for urban life can generate a burst of fragments harmful to society. The improper management of waste can pose health into fragments that reach urban life, especially with regard to public health, damaging the city as a complex socio and spacial set. Given the above, this paper analyzed the generation of waste from health services in the city of Rio Verde, based on the characterization of procedures in relation to its proper treatment and disposal. Therefore, the data have been collected, with reference to the thematic in question, in the municipal, state and federal agencies, as ANVISA, City Hall, the Municipal Health Department, Municipal Environment Department. Waste management of health services is not yet satisfactorily accomplished, especially when it concerns the segregation and storage. Guidelines such as the environmental impact assessment for the installation of waste treatment techniques, continuing education processes that clarify the managers and generators for the responsibility of establishing and implementing the waste management plan of health services, and a more effective supervision by regulatory agencies is even necessary.
Palavras-chave:  Resíduos de serviços de saúde
Tratamento
Rio Verde – GO
Residues of health services
Treatment
Publicações

Map Icon
O Projeto REGGEO
Em 09/12/2015 às 19:32

Este projeto almeja analisar a realidade socioespacial urbana da cidade de Jataí (GO) e região, espacializando informações geográficas a fim de elucidar a relação entre os temas trabalhados (aqueles pertinentes ao contexto urbano, tais como: Configuração do tecido urbano; Segregação urbana; Saúde pública; Segurança pública; Expansão urbana; Conflitos sociais etc.) e o contexto urbano em questão.

Toma-se como base epistemológica os estudos em Geografia Urbana, no intuito de colaborar com o desenvolvimento urbano, bem como, produzir material científico consistente sobre esta realidade através de análises segundo a Ciência Geográfica. Uma vez que a análise dos problemas urbanos, com o objetivo de traçar novos rumos para o desenvolvimento local, é fundamental para melhoria da qualidade de vida da população, pretende-se, ao final da pesquisa, dar subsídios à tomada de decisões no que tange à gestão da cidade. Para tanto, serão disponibilizados mapas virtuais, e análises consistentes sobre as realidades urbanas mapeadas. O material ficará disponível para consulta gratuita através do site do projeto www.reggeo.jatai.ufg.br

 

Notícias